Ouça a Caraipe fm

Play
Pause

16 de April de 2024

Ouça a Caraipe fm

Play
Pause

Teixeira de Freitas, Mucuri e Eunápolis estão entre as 18 cidades baianas com alto potencial para se tornarem centros logísticos no Estado

Compartilhe:

Teixeira de Freitas, Mucuri e Eunápolis estão entre os 18 municípios baianos com altíssimo potencial para se tornarem centros logísticos e ampliarem a geração de emprego e renda em seus territórios, conforme estudo complementar ao Plano Estratégico Ferroviário do Estado da Bahia, desenvolvido pela Fundação Dom Cabral (FDC), por iniciativa da Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI).

Os resultados dos estudos complementares foram apresentados quarta-feira (20), durante o evento Pensar a Bahia.

Elaborada a partir de indicadores de fluxos, cargas e diversidade de estabelecimentos logísticos, a análise por aglomerados logísticos destaca o potencial ainda de Alagoinhas, Barreiras, Brumado, Camaçari, Candeias, Dias D’Ávila, Feira de Santana, Ilhéus/Itabuna, Jequié, Juazeiro, Lauro de Freitas, Luís Eduardo Magalhães, Salvador, Simões Filho e Vitória da Conquista.

“São locais que já têm atividade logística expressiva, bem acima da média do Estado, e geralmente correspondem a entroncamentos rodoviários e/ou porto-aeroviários. São locus privilegiados que, sendo alvo de fomento ao desenvolvimento logístico, têm chance de alcançar maiores desdobramentos”, explicou o especialista da FDC, Ramon César.

 

Plano

O Plano Estratégico Ferroviário do Estado da Bahia foi elaborado em 2023, pela FDC, por iniciativa da Seplan e CBPM, e sugere diversas e importantes alterações na malha ferroviária baiana, como a implantação do conceito de carga geral.

O documento também indica a necessidade da criação de novos ramais e a unificação da bitola, que atualmente é de um metro, para o padrão nacional que é de 1,60 metros, entre outras recomendações.

O novo estudo da FDC complementa o Plano com uma proposta de acesso ao porto de Salvador e propõe tipologias de plataformas logísticas e modelos de governança para os clusters identificados nos municípios.

O estudo também apresenta a análise logística atual de grandes produtos da pauta de importação e exportação, a exemplo da soja, milho, containers e fertilizantes.

 

Fonte e foto: Ascom/SEI

Compartilhe:

Leia mais

Arma apreendida
Passaros apreendidos
Ambulancias
UFSB
Acessibilidade Bombeiros
Dengue
Reuniao indígenas
Capacitacao ambiental
Foragido preso
Identidades aldeia de Prado
Reuniao liderancas indigenas capa
Comandante cippa

Rede Sul Bahia de Comunicação - 2023 ©. Todos os direitos reservados

Rede Sul Bahia de Comunicação - 2023
© Todos os direitos reservados