Ouça a Caraipe fm

Play
Pause

26 de fevereiro de 2024

Ouça a Caraipe fm

Play
Pause

Diligência da CPI do MST no Extremo Sul baiano é marcada por confusão e intimidação a indígenas

Compartilhe:

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) sobre o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) realizou, na quinta (24) e sexta-feira (25), diligência nos assentamentos de reforma agrária no Extremo Sul da Bahia. Entre os participantes da diligência estavam o presidente da comissão, deputado federal Zucco, e o relator, o também deputado federal Ricardo Salles.

Nos dois dias de diligência, a comitiva visitou o assentamento Jacy Rocha e o pré-assentamento Fábio Henrique, ambos localizados no município do Prado. Em todas as áreas, os trabalhadores sem-terra estavam a postos nas entradas das comunidades para recepcionar os deputados e apresentar o espaço, a produção de alimentos, as conquistas, tirar dúvidas e conversar sobre os processos de organização das mesmas.

Porém, segundo o MST, a comitiva se esquivou das famílias e buscou residências pré-definidas, onde os moradores há tempos não participam da comunidade e, pelo contrário, têm contribuído na desarticulação da luta pela terra.

Ainda conforme o movimento, na noite do primeiro dia da diligência, 24, na cidade de Itamaraju, a comitiva participou de um culto evangélico com a presença de fazendeiros, referências bolsonaristas da região e moradores locais.

 

Salles acusado de intimidar Pataxós

Na sexta-feira, segundo o MST, a representação da direita na CPI mentiu, informando que a diligência teria acabado, porém construíram uma agenda no Parque Nacional Território Barra Velha, onde vivem os povos indígenas Pataxó, no município de Porto Seguro.

Vídeos comprovam que Ricardo Salles e Zucco intimidaram e ameaçaram representantes de famílias com acusações sem nenhuma comprovação ou evidência, acirrando um conflito. “O MST vem a público denunciar essa ação e se solidarizar com os povos Pataxó que possuem uma luta secular contra o genocídio de seu povo e pela defesa de seus territórios ancestrais”, salientou o movimento, em matéria publicada em seu site.

 

Fonte e fotos: MST

Compartilhe:

Leia mais

Fumacê
Celulares recuperados
Motorista embriagado
Volta as aulas
Moto recuperada
Sisu
Atendimento indigena
Foragido preso
Governador em medeiros neto 1
Nova rodoviaria capa
Nova rodoviaria teixeira dentro
mandado cumprido

Rede Sul Bahia de Comunicação - 2023 ©. Todos os direitos reservados

Rede Sul Bahia de Comunicação - 2023
© Todos os direitos reservados